28 de mar de 2011

Telefone

Nossos hábitos de comunicação estão mudados, por certo que devemos nos ambientar com as novas maneiras para em meio ao dia a dia corrido não perder o contato com o mundo.




O senso de oportunidade deve comandar os contatos telefônicos. Pessoas, geralmente desocupadas usam o telefone sem a consideração devida àquele que esta sendo chamado. Assim, após começar uma conversa comprida sem perguntar se o interlocutor esta com tempo disponível é descortesia.

Também é pouco delicado pedir a alguém para fazer uma ligação para nós, e deixar a pessoa para quem se ligou aguardando na linha. O interessado é quem chamou e esta havendo uma inversão nos papeis.

Alias deixar esperando a pessoa para que se fez a chamada é sempre falta de tato e delicadeza.



Horário



Deve ser viável. Não se conhecendo os hábitos da casa e/ou da pessoa antes das 10 da manha é indelicado fazer uma ligação e também não se telefona depois das 22 horas para quem não se tem intimidade.

(salvo urgência)

Sabendo-se que é em horário das refeições que se encontram ao dar o telefonema deve sempre haver a preocupação de perguntar: “Não estou interrompendo seu almoço?” Em caso afirmativo, a conversa será breve ou se combina voltar a chamar um pouco mais tarde. Nas ligações internacionais, antes de discar é conveniente olhar o relógio, lembrando a diferença do fuso horário.



Como falar



Deve-se procurar estar com a voz clara, pronunciando bem as palavras e dando uma inflexão amável para facilitar a boa compreensão da mensagem. Não se usa o tratamento de querida e suas variações para quem não se conhece, habito ainda mais inaceitável em telefonemas comerciais.

Existem frases que por serem chavões se tornam desacreditadas: “Ele esta um uma reunião”, “Deu uma saída” Por isso, não convem primeiro perguntar quem esta falando para depois dizer que a pessoa procurada não pode atender. Deve ser feito o inverso.

Em caso de demora da pessoa chamada chegar ao telefone, quem atendeu a ligação e pediu para aguardar desculpa-se e anota o numero de quem chamou para o contato ser feito mais tarde. Quando não se pode anotar um recado corretamente, é preferível pedir para um retorno em horário mais propicio.

É incorreto usar as secretarias para pedir informação sobre o que acontece na vida da pessoa chamada se ela esta ausente.

Num primeiro contato dá-se o nome por extenso e acrescenta-se o grau de parentesco ou de amizade com quem esta sendo chamada. Quando se trata de assunto profissional, quem chamou informa o nome de sua empresa e o objetivo de seu telefonema.



Celular



Quem aproveita as vantagens do telefone móvel não é seu escravo e sabe quando pode atendê-lo e mante-lo desligado. Com maior razão ainda que o telefone comum, ao fazer uma ligação pergunta-se sempre se a pessoa pode falar no momento, pois não se sabe onde esta. É igualmente indelicado quem faz uma chamada e logo prgunta onde o seu interlocutor se encontra. Recados podem ser deixados, mas cuidado em fiar-se nessa comunicação, porque há muita gente que passa dias sem ligar o seu celular.

No carro a legislação é bem clara. (salvo viva-voz). Ainda que todo mundo saiba em salas de diversão (cinema, teatro..) manter os aparelhos desligados é sinal de boa educação.

Evita-se andar na rua falando ao celular, quando chamar procurar algum lugar em que se possa entrar, evitando ficar batendo nas pessoas que passam enquanto se fala e ainda evita atrair assaltos.

Não se divide a atenção entre quem esta a nossa frente e a pessoa com quem se fala pelo celular. É cruel falta de consideração para ambos. Pede-se sempre licença para atender uma chamada, nos afastando um pouco, falando baixo e apenas o necessário. Ao retornar a conversa se pede desculpas.

É sempre sinal de consideração, quando alguém chama pelo celular para tratar assunto de nosso interesse, nesse caso pedir para desligar e retornar a ligação, nos responsabilizando pela despesa.



Quem se despede



A iniciativa de encerrar um telefonema cabe a quem chamou. Se houver pouco tempo, há frases convencionais: “Deves estar ocupado...” “Não quero importunar mais..” Ou ainda; “ Preciso desligar..”, seguidas da despedida. Quando a pessoa chamada deseja interromper a ligação se desculpa deixando claro que o mais cortes seria aguardar as despedias da outra, mas que naquele momento esta ocupado, Toda vez que houver visitas e o telefone comum tocar, deve-se pedir licença para atender.



Trivial. Simples. Natural.



Começando

Efetivamente nossa maneira de viver mudou e muito como resultado de uma adaptação necessária, de um ajustamento lógico e oportuno sendo assim, fazer concessões aos novos costumes sem, contudo, perder o respeito pela tradição.


Uma coisa porém é certa: nunca as boas maneiras foram tão necessárias quanto agora. Bons hábitos de correção e elegância nos obrigam a observar a Etiqueta, observar a matéria equivale a procurar aprender as normas, o que é ao mesmo tempo, uma prova de superioridade de espírito e de confiança na própria capacidade de adquirir novos conhecimentos (ou hábitos) e coloca-los em pratica.

Algumas regras devem ser aprendidas de cor, como qualquer lição. Aprender a guarda-las é descobrir suas graduações e esforçar-se por aplicá-las até adquirir inteira naturalidade. A polidez passará rapidamente a fazer parte da nossa própria personalidade, suavizando as arestas, corrigindo hábitos, enfim aprimorando o lado amável, cordial e simpático que existe em todos nós sob uma falsa camada de indiferença ao charme das boas maneiras. Assim, uma vez vencidos os obstáculos iniciais, teremos conseguido ser nós mesmos, mas, favoravelmente melhorados.

Não pense nem por um minuto que as regras vão obrigá-lo a sair por ai beijando todo mundo, lisonjeando uns e outros. As pessoas podem se bem educadas e sociáveis ao mesmo tempo em que mantêm uma atitude positiva, simpática e natural. Alias jamais seremos verdadeiramente polidos se não conseguirmos ser simples, naturais e amáveis para com todos. As pessoas mais encantadoras são aquelas que parecem príncipes entre os príncipes e plebe em meio à plebe. Entendam. Digo que a cortesia se baseia na horizontalidade do relacionamento. Sejamos iguais, seja você sempre o menor em meio aos seus amigos, o solicito é sempre mais elegante sob qualquer ótica.

As regras só parecerão artificiais ao leitor na medida em que cada um não fizer um exame sincero de si próprio a fim de conhecer os seus deveres para consigo mesmo e para com o mundo que o cerca.

Concluindo, seguir-las sem perder o senso de equilíbrio é conquistar a liberdade e a segurança perante si mesmo e perante a sociedade.

O amplo sentido da elegância




Há algum tempo defini elegância como um todo difícil de ser julgado separadamente. Ela tem uma latitude muito maior, um sentido muito mais amplo Abrange a boa educação, as normas de conduta e caráter, enfim todo um sistema de vida. Inclui desde a maneira de tratar as pessoas, expressar-se, escrever, manter as amizades, respeitar os ausentes, conduzir os negócios, dirigir, tomar e/ou dar lugar num coletivo, entrar num táxi, entrar ou sair do elevador, sentar-se e levanta-se, cumprimentar, pedir licença, agradecer, e, acima de tudo a suprema elegância de desculpar-se.



A mulher elegante

A mulher elegante é aquela que se veste não só de acordo com a moda e com o seu tipo, mas apropriadamente para cada circunstancia? Por certo que sim. Mas não apenas isso. A elegância da mulher tem estreitas conotações com o seu modo de ser e de viver.

É elegante na decoração da sua casa, na organização das suas reuniões, na hospitalidade com que recebe os amigos, na discrição com que se refere às amigas, na delicadeza com que presenteia e simplicidade com que agradece. Aceita as homenagens não como se lhe fossem devidas, mas por polidez para com aquele que a homenageia. É elegante na direção de seu carro, na pratica dos esportes e, principalmente, no antiexibicionismo. Mas é muito mais elegante na sua conduta familiar e social. E é ainda elegante no tratamento dispensado a todos que lhe prestam serviços. É elegante também no tom de voz e nas expressões. Não fala alto, não critica, na fofoca, não é desleal e tanto mais!





Provérbios 14:1 Toda mulher sábia edifica a sua casa; mas a tola a derruba com as próprias mãos.



O homem elegante



A esta altura, como qualificaremos o homem elegante? Aquele que sabe vestir-se correta e apropriadamente para qualquer ocasiao? Por certo que sim. Mas nao só isso. O homem verdadeiramente elegante nao se veste apenas com elegancia, mas de bondade e assim vive em estado de elegancia. É cortes e bem educado. Trata com deferencia (sem subserviencia, leia-se bajulacao) os seus superiores, com simpatica cordialidade os iguais e com superioridade amavel os que lhe sao inferiores, para o caso das relacoes de negocios. É atencioso e solicito para com os idosos. Homenageia a sua mulher com senso de humor e trata as outras com cortesia e austeridade. O homem elegante nao quebra a palavra dada, nao falta os compromissos sem um motivo justo, nao chega atrasado, nao se esquece de agradecer as atencoes recebidas nem de retribuli-las, nao grita, nao faz uso de palavrao, nao é maledicente, nao mente e nao é indiscreto. Por outro lado, ao classificarmos como deselegancia trapacear nos negocios, ser desleal aos amigos, estamos concluindo que elegancia é um todo indivisivel, e nao uma atitude circunstancial,

De onde se deduz que, para elegancia, nao ha uma definicao absoluta. Ligada como as qualidades de gosto, de bom gosto, de educacao de correcao moral e de apuro social, ainda assim nao é privilegio de alguns, mas de todo aquele que esta em harmonia consigo mesmo e com o proximo, como o seu tempo e com o mundo em que vive.

20 de mar de 2011

17 de mar de 2011

Seja verdadeiro também, por favor!

De uma hora pra outra assim, foi juntando pozinho de estrela num monte que não era de areia; e agora é tanta esperança dentro de mim que eu vim pra assoprar um pouco em você;


Não dormi ainda, Lucas ta hoje agitado dormiu cedo, acordou tarde, a vizinha de baixo, minha mãe..

Olha vou contar pra voces uma coisa, as vzs sinto vontade de me mudar pra muito longe, ja que meu lar posso carregar.

Meu lar sou eu e o Lucas. E a gente ainda ta pesando pouco. Rs.

Temos muito pouco e sabemos dividir quase tudo.

Hoje uma amiga me ligou, acho bem bonito ela se preocupar comigo pq os dias tem sido estranhos, eu sou muito ativa, sempre trabalhei, viajei, fui ver as coisas de longe e voltei, mas deu de ter um tempo pra aprender a ser servida e depender.

É. Esperar é Caminhar.

É isso?

Entendi direito?

Muitíssimo dificil. Confesso.

O argumento é a vida que me impos a solidão, como meio e solução.

Roda viva. E é pq escuto bossa, meu coração desapegado vou levando assim meio de lado já saindo, sem nunca me preocupar.

Li numa pasta de arquivos meus, esse texto e vou postar..

Quando terminar voces vão entender, ou não.

Voalá;

Um livro me ensinou assim; tem tempo de tempo em tempo que é tempo da alma gritar sa'aq.

Sa'aq é o clamor produzido pelo sangue de Abel na terra. Voces se lembram da historia de Caim e Abel?

Algo precisa mudar.

Será preciso desenhar para voce, que a minha ta ficando quase rouca de tanto gritar?!

SA'AQ! Caixa Alta.

Estamos todos emudecidos, atonitos, surdos a leste o edem.

Poucas pessoas me fazem pensar para mudar a menira de agir.

Pouquissímas pessoas me encantam. É verdade que a maioria me choca, e são sempre as mesmas coisas, parece que só muda os personagens.. As vezes passo aqui e fica o encanto de reler verdade de uma amizade que me faz sentir muito mais importante do que realmente sou. Alguém real. Jesus é real pra mim.

Ele é a pessoa com quem me encontro pra escrever linhas.viver caminhos.esperar por sonhos.

E a vida dorme ao meu lado e cresce menino. Esse amor furioso que não sei explicar.

Alguém me disse um dia, que eu nunca aprendi a amar, que nunca me amariam.

Dá vontade de ligar.

Se tudo o que nós temos ouvido, não for diregido e não gerar em nós desejo de transformação, qual o proveito?!

Qual caminho?

Aceito o protocolo. Conheço essa cor. Não consigo escrever uma linha e tudo me causa muita dor. Um peso.

É o Espirito falando em favor daqueles que desejam ver um mundo diferente. Esse nosso mundo todo dia.

No infinito e além de todos nós.

15 de mar de 2011

Dia-a-dia


Chego em casa e minha mãe me disse que teve uma reclamação da professora porque o Lucas deu um soco no coleguinha.

Ansioso pra saber o que eu falei, ele pergunta:

-Mãe violencia não é de Jesus né?!

- Não, não é meu amor, o que foi que aconteceu?

- Mãe o Lele, não entende que "m"tem som de "c" puque "m" é a letra de mamãe e mamãe sinifica Camila uai...

- Vou falar com Jesus pá ensiná o Lele pá ssiqueve as coisas, certas ai não vai te mais violencia na ssicola.





.





- Mamãe, eu já entendi essa cóquila (colica) sua é muito fafadinha.





- O que, filho???





- Todo tempo quando passa alguns seis,nove, quatro, dois dias ela vem de novo chatiar o nosso dia e voce nem quer mais cantar a musica do Arlelequim doulado.

2 de mar de 2011

A biblia é viva.

Sou uma moça descontraída de riso fácil e olhos vivos, não combino em definitivo com a imagem da mulherzinha que se faz vitima da vida, sisuda e só. A moça vivendo a transição mulher, igual a todas as outras. Saindo com prazer dos casulos que fui fazendo para mim ao longo dos breves 25 anos. Comecei a pouco procurando pela verdade que vem do relacionamento com o Senhor, venho hoje para encorajar você, foi Ele que me ajudou a superar o que naufragou as agruras do cotidiano e tudo o que é ainda cicatriz dentro de mim.


A alegria é uma força revolucionaria. A tristeza não deve ser o que você presenteia os outros no dia-a-dia.

Fiz uma reflexão sobre, amor e razão, ética e política, essência e aparência isso tudo estudando sobre Rute ( os 85 versículos que contam a historia da moabita, você pode encontrar clicando aqui; Rute )
 Priscila Vidal, obrigada!

O conhecimento, o pensamento, a decisão, o amor e a amizade fizeram uma gentia, entrar para a ascendência do Cristo. Você pode imaginar isso?

É muito bonito, encanta e ilumina. É o que Deus fez por todos nós. Um amigo disse; “Então Deus quer que eu seja Rute?”

De pronto dei algumas gargalhadas pois a imagem daquele amigo dizendo que queria ser Rute, foi deveras engraçada sabe.. Mas a resposta é um sonoro SIM!

Há pessoas que ficam ligadas no potencial delas mesmas, de suas historias, do seu povo, dos deuses a quem esse povo cultua.. E retrocedem quando se deparam com a complexidade dos desdobramentos das suas escolhas, das fatalidades de suas vidas.

Ao mesmo tempo, a ausência de postura pode produzir resultados ruins, feios. Num contexto em que as pessoas não estão acostumadas a refletir e agir, é muito mais possível que se tornem burocratas, amargas e apegadas às situações. Se elas não tiverem reflexão, não vão ter liberdade, noção sobre os valores sobre os quais estão agindo. Se você não reflete, não sabe o que faz. E, se não sabe o que faz, é capaz de fazer qualquer coisa. Até mesmo tendo aprendido sobre o Deus Vivo, se você não for capaz de refletir de se aliançar e partir para o novo e estando neste novo trabalhar, e se mover para prosseguir jamais conhecerá seu remissor. Rute fez isso.

Tento ser coerente com o que penso, mas muitas vezes não sou. Existe o inconsciente. Sou pobre, cega e nu, portanto carente da gloria de Deus todos os dias. Tenho mil conflitos, angustias e medos. Mas tento refletir sobre aquilo que esta acontecendo comigo. Nem sempre consigo agir nesse sentido. Renovação da mente em Cristo é uma busca, nem sempre é algo que está na sua mão apenas, mas a atitude de ir para o trabalho e colher aquilo que o Senhor proveu nos permite conhecer a face daquele que ira restaurar nossas vidas completamente. Todos os dias.

Aconteceu com Rute, acontece comigo. Agora.



Descansar é trabalhar.