16 de fev de 2013

Duas linhas.

Era uma vez duas linhas.


Aquelas que são a vida da gente. O ouvido curioso sobre a historia da linha da vida é falante, pensante.

Era uma vez duas linhas.

Aquelas que fazem chorar e rir tudo ao mesmo tempo agora. O que é que o Criador não faz?!

E o que é que Ele não separa e protege?!

Novelo.

Era uma vez duas linhas.

Aquelas que se fazem novelos. Alguém teve que dar-se a si em prol das linhas da vida para a eternidade.

O mundo.

Era uma vez duas linhas. Aquelas de que se fazem rabiscos e letras, pra escrever do amor que a gente sabe que tem, que no fundo vem desse alguém que deu a sua vida nas linhas cruzadas lá na cruz.

Era uma vez duas linhas. Aquelas que serão eternas.

Nenhum comentário: