14 de nov de 2011

Acorda Alice!


A crise na mídia e o debate de lideres são dramáticos (existe um suspiro de alívio com a certeza de que o Senhor tudo governa!)*

*Shalom Aleichem! Em hebraíco, significa a paz seja convosco.
Paz. Verdade. Justiça, são os pilares sobre os quais se estabelece um bom inicio de prosa, né?!

Vamos lá;

Sim, escolhas são difíceis. Uma questão ainda mais ampla é se os investimentos de tempo e ensino dentro do contexto congregacional são suficientemente fortes para que o povo tenha os olhos abertos, se a noticia mais linda do momento que é e sempre será Jesus e a superpotência dos seus ensinos e sobre o caráter excepcional que Ele apresentou estão sendo absorvidos hoje pelos circuncidados no coração. Eu me preocupo. Oro. Tive vontade de chorar. A caixola ferverdo.

 E vou dando meu parecer aqui, porque posso dividir sempre e deixar minha opinião. Recentemente começou uma onda de ataques contra lideres, o poder de Deus, tudo isso a partir de uma falácia de um líder que diz não ser de Deus tudo o que vai contra o que ele diz. No mínimo duvidoso. Li no twitter uma colocação ajustada; Ai de quem parte o escândalo.

Estou em choque. Defendo a idéia de menos confronto e mais partilha. Acredito ser mais valioso ensinar do que atacar, quem vê o que é absurdo e se posiciona a atacar tende a se colocar em “pé de igualdade” com quem ataca.

A pergunta, e veja bem a pergunta não a indicação, não o ataque, não a ofensa... Vale também para a liderança deste que se auto intitula, hoje ainda mais entretido e entendido com desafios domésticos demoníacos, mas que assume uma postura cada vez menos assertiva no cenário da Igreja Brasileira.

-O que é que ele tem ensinado sobre Jesus?

A realidade mais objetiva é de uma contradição fundamental e fica patente não apenas na complexa relação de interdependência e competição de cunho econômico, mas na postura dos  caluniados e aqui deixo bem claro que é uma opinião que divido com vocês;

 É Deus quem justifica! E a oração do justo muito pode em seus efeitos..

Ficou todo mundo emudecido.

Eles querem ao mesmo tempo reforçar e insuflar os laços econômicos com os seguidores (dos quais são mais dependentes diante da fraqueza de conhecimento acerca do que a palavra ensina) e atar com mais firmeza o nó da aliança quase belicosa com, os menores grupos de lideranças de outras denominações por temerem a divulgação estratégica que é permissão do Senhor para alguns. O Brasil e as Nações esperam as boas novas originais! A longo prazo, a corda arrebenta devido às tensões e contradições. Só o sangue!



Enquanto isso na politica;


A America latina merece prioridade baixa; frase atribuída ao Centro para uma Nova Segurança Americana (segurança nacional do governo Obama.)

A superpotência global menosprezando a economia Latina. E a presidente? #pactuando... E o povo de Deus? Divagando sobre o discurso do homem mais abominável destes tempos.

Acordem Alices!


Eu também!



Atenciosamente,
                                                       . Camila Verçosa.

Nenhum comentário: